We use cookies to improve the user experience of our website. Cookie Get More Information

Índice » Escolas de Espanhol na América Latina » Dominican Republic » Santo Domingo » A cidade

A cidade de Santo Domingo

Estude espanhol em Santo Domingo, República Dominicana - Cursos de Espanhol na República Dominicana

Santo Domingo é uma cidade encantadora, cheia de sofisticação, carisma do Velho Mundo e encanto latino. Na capital da República Dominicana, os deslumbrantes cassinos, a vida noturna, a comida, as lojas de moda e hotéis de classe, complementam o rico passado colonial que se faz evidente nos muitos museus e edifícios históricos restaurados. Santo Domingo é o ponto ideal para os viajantes interessandos no antigo e no novo.

A Cidade Colonial é o ponto perfeito para que os visitantes comecem a descobrir Santo Domingo. Aqui, entre o "Parque de la Independencia" e o "Río Ozama", encontrará a primeira cidade construida no Novo Mundo por colonos europeus, incluido o irmão de Colón, Bartolomé, e seu filho, Diego Colón.

A primeira rua construída nas Américas é a "Calle de Las Damas", lugar de numerosos edifícios históricos, incluindo o "Fuerte Ozama", a fortaleza mais antiga nas Américas. Também está a casa de "Nicolá de Ovando", governador de Santo Domingo, ao princípio de 1500, e guerreiro implacável contra os índios Tainos. De grande interesse histórico, há o "Museo de las Casas Reales", um palácio restaurado do século XVI da Corte espanhola, que apresenta uma vista maravilhosa do passado. Muito perto, está o "Alcazar de Colón", construído por Diego Colón e sua mulher, María de Toledo, sobrinha do rei Fernando de Aragón. Em uma das poucas ruas do centro da cidade amuralhada, os visitantes podem encotrar a "Basílica de Santa María la Menor", nomeada a primeira catedral do Novo Mundo pelo Papa Pablo III em 1542.

Desde o antigo ao novo, Santo Domingo leva os visitantes a uma viagem através dos séculos com seus numerosos museus nacionais que mostram todos os aspectos da vida dominicana passada e presente. Muito desses museus estão situados na "Plaza de la Cultura", um grande parque onde os visitantes podem passear de um museu a outro. Aqui está o "Museo del Hombre Dominicano", o "Museo de Arte Moderno", o "Museo Nacional de Geografia e Historia" e o "Museo Nacional de Historia Natural". Os visitantes desfrutam de uma olhada na história dos dominicanos, incluindo os engenhosos artefatos dos tainos, informação sobre os conquistadores espanhóis e os escravos africanos no "Museo del Hombre Dominicano", assim como da impressionante coleção de arte moderna que nos dá uma nova dimensão da sociedade dominicana no "Museo de Arte Moderno".

Outro lugar que você não pode perder, é o "Faro de Colón", uma impressionante estrutura com a forma de uma cruz que foi construída para comemorar os 500 anos da chegada de Colón às Américas em 1492. Aqui permanecem seus restos e numerosas exibições. Depois de explorá-lo durante o dia, é excitante vê-lo durante à noite, desde a Cidade Colonial, quando suas poderosas luzes se refletiam no céu.

Outras visitas durante o dia podem ser: o Aquário Nacional, os Jardins Botânicos, o Zoológico Nacional, e "Los tres Ojos", uma impressionante cova de 50 pés de profundidade com três lagos rodeadas de estalagmites e vegetação.

Pela noite, a cidade exibe seu tapete mágico de opções para o visitante interessado no jantar, nas artes e na dança até a madrugada. A zona de restaurantes de Santo Domingo no tem rival no mundo. Uma verdadeira mescla internacional, onde se pode encontrar todo tipo de cozinha, assim como os sabores de pratos dominicanos em soberbos restaurantes que oderecem alta qualidade. Além disos, pode-se ver as melhores apresentações teatrais e de dança no Teatro Nacional e em outros teatros menores por toda a cidade. Depois, pode-se daçar salsa e merengue durante toda a noite nas discotecas da cidade, incluindo a grande sensação: o "Guácara Taina". Esta discoteca de vários andares, está em uma gigantesca caverna no subsolo.

Recentemente, a cidade gerou cafés, onde as pessoas locais se reunem para tomar algo no final da noite, cafés ou bebidas, e falar, ligar e dançar toda a noite nos pátios e terraços. A vida noturna atual, centra-se nos arredores do "Café Trío", "Cafá Montecristi", o "Bar Karamba" e o "Ocho Puertas". Bares e Cafés, como esses, são uma boa forma de conhecer a cidade, as pessoas locais e, em geral, ter um bom momento e praticar seu espanhol.

Solicitar mais informação Matricule-se já!